Boaventura Cardoso

licenciado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Santo Tomás de Aquino (Angelicum), é escritor e diplomata de carreira, tendo sido Secretário de Estado da Cul­tura, Ministro da Cultura, Ministro da Informação, Governador de Província e Embaixador em Fran­ça, Itália, Malta e junto aos organismos das Nações Unidas. Membro-fundador da Un...

licenciado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Santo Tomás de Aquino (Angelicum), é escritor e diplomata de carreira, tendo sido Secretário de Estado da Cul­tura, Ministro da Cultura, Ministro da Informação, Governador de Província e Embaixador em Fran­ça, Itália, Malta e junto aos organismos das Nações Unidas. Membro-fundador da União dos Escritores An­golanos e da Academia Angolana de Letras, de que foi o 1.º presidente, é autor dos livros de contos Di­zanga dya Muenhu (1977), O Fogo da Fala (1980) e A Morte do Velho Kipacaça (1987) e dos romances O Signo do Fogo (1992), Maio, Mês de Maria (1997), Mãe, Materno Mar (2001), agraciado com o Prémio Nacional de Cultura e Artes –Literatura, e Noites de Vigília (2012). É membro honorário da Academia Palmense de Letras e Comendador da Ordem do Mérito Cultural desde 2006. Actualmente, é Deputado à Assembleia Nacional do Parlamento angolano, sendo Presidente da Co­missão para a Cultura, Assuntos Religiosos, Comu­nicação Social, Juventude e Desportos.

Mais

Boaventura Cardoso Existem 2 produtos.

Mostrando 1 - 2 de 2 itens