A formiga contra os elefantes angolanos e portugueses

Publicado . 2018-06-06 | Categorias . Artigos

Este é o livro da burla de que é vítima um pequeno empresário português em Angola. Altos quadro militares angolanos enganaram-no de forma escandalosa. Tão escandalosa que outros militares angolanos, feridos na sua ética, os denunciaram e acusaram. Só que, acima - bem acima - a acusação feita pela justiça militar angolana foi travada e, até, desmanchada. 

Se as coisas ficaram feias em Angola, o pequeno empresário português depressa descobriu que em Portugal não teria melhor sorte. Agentes relevantes da justiça portuguesa, bem como figuras com responsabilidade no Ministério dos Negócios Estrangeiros descuraram a sua missão, num espectáculo de inoperância e de clamorosas falhas.

O que este livro narra é um verdadeiro pesadelo. Susana Ferrador conta todo o drama, baseando-se em entrevistas dadas pela vítima. É quase uma história na primeira pessoa a dar conta da luta de 16 anos de uma formiga contra vários elefantes, uns angolanos, outros portugueses. E é tudo menos uma história infantil.

Um documento impressionante que vai ter lançamento este sábado, com a apresentação do professor António Salazar Semblano Galhardo.

Partilhe este conteúdo