Uma viagem pelo mundo prodigioso da obra de Miguel Torga

Publicado . 2022-02-11 | Categorias . Artigos

.

.

.

.

Depois de, em 2019, nos ter brindado com Tonalidades da Literatura Transmontana, uma pujante obra literária que expressa a identidade, plural e diversidade, de grandes autores transmontanos, o professor Norberto Veiga reforça a sua condição de «paladino da literatura transmontana» com a publicação d’O Labirinto Literário de Miguel Torga. Uma viagem pela vida e pelo mundo prodigioso da obra de Miguel Torga, explora todas as dimensões e recantos da bibliografia de um dos mais prestigiados poetas e escritores portugueses do século xx, livro por livro. Nele, o autor revisita a autenticidade de Torga, as suas preocupações de natureza ética e antropológica, e a interpretação transcendental dos recortes e das gentes de Trás-os-Montes, propondo-se a responder a uma questão: Porquê ler a obra torguiana no século xxi? O Labirinto Literário de Miguel Torga chega à rede livreira nacional no próximo dia 22 de Fevereiro, numa edição Guerra e Paz Editores, prefaciada pelo escritor A. M. Pires Cabral.

 

 

O património literário deixado por Miguel Torga é marcado pela pluralidade, pela polifonia, pela genialidade. Uma vasta obra que, tendo já sido estudada a espaços, não foi ainda objecto de uma análise profunda e global. Disposto a colmatar essa lacuna, Norberto Veiga, professor, cronista e estudioso da literatura transmontana, partiu para uma profunda reflexão em torno da prodigiosa bibliografia torguiana. Esse estudo intenso resulta agora no livro de grande fôlego: O Labirinto Literário de Miguel Torga.

 

Segundo o autor, este livro pretende «mergulhar o leitor na opera omnia de Torga, desvelando as várias ressonâncias e tonalidades que a enformam, numa leitura sempre incompleta, mas também sempre renovada.» Além de uma resenha biográfica de Miguel Torga, são-nos apresentados comentários às 52 obras que Miguel Torga publicou. Começando pela poesia, «porque Torga é essencialmente poeta», passando pelo conto, pela diarística, pelo discurso autobiográfico (os seis dias d’A Criação do Mundo), pela ensaística, por discursos e palestras, pelo romance e, até, pela dramaturgia, um género menos conhecido da generalidade dos leitores, mas que espelha muito bem a faceta do escritor, de guardião do património imaterial transmontano.

 

No prefácio, o também transmontano e escritor A. M. Pires Cabral, afirma que «em Torga não devemos deixar que o escritor ofusque nem o cidadão que se afirma pela consistência e pela verticalidade nem o fiel depositário de um património imaterial que o marca e lhe guia os passos.» Elogiando o autor, que tem vindo a assumir-se «um verdadeiro paladino da Literatura Trasmontana», o prefaciador sublinha que «Norberto Veiga faz justiça a Miguel Torga» e que esta obra podia perfeitamente ter como título, num contexto menos académico, Miguel Torga de A a Z, pela quantidade de informação que colige. É esse o título que dá ao seu texto.

 

Ler este Labirinto Literário é contactar com um saber realista, humanista, religioso, moral, social, político, filosófico e estético de um autor maior do que o seu tempo. E se dúvidas sobrarem, esta análise brilhante responde: Porquê ler a obra torguiana no século xxi? Porque a sua obra reflecte não só as convicções de natureza ética, antropológica e humanista do autor, como uma profunda missão histórica, social e política que não se esgotou em 1974.

 

 

O Labirinto Literário de Miguel Torgachega à rede livreira nacional no próximo dia 22 de Fevereiro com a chancela da Guerra e Paz Editores. O livro também estará disponível através dosite da editora. Esta é a segunda obra que Norberto Veiga publica com a chancela da Guerra e Paz Editores. Em 2019, o autor publicou Tonalidades da Literatura Transmontana, uma pujante obra literária que expressa a identidade, plural e diversa, da literatura transmontana.

 

 .

.

 

O Labirinto Literário de Miguel Torga

Norberto Veiga

Não-Ficção / Ensaio

584 páginas · 15x23· 25,00 €

Nas livrarias a 22 de Fevereiro

Guerra e Paz, Editores

.

.

Partilhe este conteúdo