António Costa Santos

(Lisboa, 1957) é jornalista desde 1976 e colabora actualmente com a Antena 2. Trabalhou, entre outros, nos semanários Se7e, do qual foi chefe de redacção, e Expresso, onde assinou durante cinco anos uma crónica sobre questões da vida quotidiana, «Estado de Sítio».
É autor de guiões para cinema e televisão e de vários livros, entre os quais Porto vs. Lisboa – Uma Batalha Campal em Livro (em co-autoria com António Eça de Queiroz), Herman – O Verdadeiro Artista, Diário de Um Gajo Divorciado em Tempos de Crise, O Novo Livro das Inutilidades e 10 Razões Para Amar e Odiar Portugal, editados pela Guerra e Paz.
Tem quatro filhos, aos quais proibiu algumas coisas ao longo da vida, como bater nos mais fracos, faltar às aulas para ir jogar matraquilhos, deixar os discos fora das caixas, denunciar um colega ou pregar mentiras, com excepção das piedosas e em legítima defesa.