-10%

Preço reduzido! Piadas à Portuguesa Ver maior

Piadas à Portuguesa

Novo produto

Não há ninguém a contar anedotas como os portugueses. É uma sina: rir-nos das nossas desgraças. Secas ou molhadas, inocentes ou indecentes, são o melhor remédio!
Ria-se como se não houvesse amanhã!

Mais detalhes

11,90 €

10,71 €

Adicionar à Lista de desejos

Não há ninguém a contar anedotas como os portugueses. É uma sina: rir-nos das nossas desgraças. Secas ou molhadas, inocentes ou indecentes, são o melhor remédio!
Ria-se como se não houvesse amanhã!

(RE)DESCUBRA AS ANEDOTAS PORTUGUESAS, DIVIDIDAS EM:

«MIÚDOS, OS TENEBROSOS DIABRETES» – as típicas anedotas do Joãozinho e companhia;
«Ó TINDER DOS MEUS AMORES» –
anedotas picantes e sobre relacionamentos;
«PROLETÁRIOS DE TODO O MUNDO, RI-VOS!» –
quem se lixa é o zé-povinho;
«LOIRAS, LOIRINHAS, LOIRAÇAS, LOIRONAS» – a
s anedotas que as morenas contam com dor de
   
cotovelo;
«AVENTURAS E DESVENTURAS DE UM ARTISTA PORTUGUÊS» –
entre ingleses, franceses,
 
 espanhóis… levamos sempre a melhor;
«DE SÃO BENTO PARA O MUNDO: AS REPÚBLICAS EM CUECAS» –
chistes sobre quem governa;
«BOLAS ROLANTES E OUTROS FUTEBÓIS» –
as piadas do desporto;
«QUID IURIS, OU O FORROBODÓ NA BARRA DO TRIBUNAL» –
as anedotas sobre a Justiça;
«IN NOMINE DEI: GLÓRIAS DIVINAS, PRAZERES TERRENOS» –
freiras, padres… ninguém escapa
   ao humor português;
«A ETERNA PLANÍCIE: ORAÇÕES SAPIENCIAIS ALENTEJANAS» –
a boa disposição do Alentejo;
«METE-LHE ÁGUA, MUITA ÁGUA» –
as secas que todos contam, mas fingem não gostar;
«WELCOME TO THE DARK SIDE OF THE FORCE» –
o lado mais negro do humor.

Nº de Páginas192
Ano de EdiçãoJun. 2018
ISBN978-989-702-401-6
Formato14x21
CapaBrocahdo