-20%

Preço reduzido! Obras do Diabinho da Mão Furada Ver maior

Obras do Diabinho da Mão Furada

Novo produto

Autor(es): António José da Silva (O Judeu)

O livro Obras do Diabinho da Mão Furada é uma pequena jóia da literatura portuguesa. Foi escrito no século XVIII, quando em Portugal ainda as garras da Inquisição se faziam sentir. A Inquisição vitimou, aliás, o autor, António José da Silva, conhecido como O Judeu, queimando-o, em auto de fé, em Lisboa, em 1739

Mais detalhes

11,23 €

8,98 €

Adicionar à Lista de desejos

O soldado Peralta, vindo das guerras da Flandres, dirige-se a Lisboa. No Alentejo, encontra um ser demoníaco, o Diabinho da Mão Furada, que o irá acompanhar na viagem, tentando-o ao pecado. Conseguirá Peralta resistir?
Pelo caminho, o demónio faz das suas: cria divisões, espalha a confusão, faz travessuras, divertindo-se sempre. Peralta depara-se com personagens excêntricas e situações insólitas. Viaja até ao Inferno, vê os tormentos por que passam as almas pecadoras. Visita o palácio onde se encontram os sete pecados capitais. Foge da casa da Cobiça. O real e o sobrenatural misturam-se em pleno Alentejo, numa verdadeira novela diabólica.
O livro Obras do Diabinho da Mão Furada é uma pequena jóia da literatura portuguesa. Foi escrito no século XVIII, quando em Portugal ainda as garras da Inquisição se faziam sentir. A Inquisição vitimou, aliás, o autor, António José da Silva, conhecido como O Judeu, queimando-o, em auto de fé, em Lisboa, em 1739.

ESTA EDIÇÃO INCLUI:
Nota introdutória ∙ O Fradinho da Mão Furada ∙
Lista de personagens

Nº de Páginas 136
Ano de Edição Jun. 2018
ISBN 978-989-702-402-3
Formato 15x23
Capa Brochado
Autor(es) António José da Silva (o Judeu)

Sem avaliações neste momento.

Escrever uma avaliação

Obras do Diabinho da Mão Furada

Obras do Diabinho da Mão Furada

Autor(es): António José da Silva (O Judeu)

O livro Obras do Diabinho da Mão Furada é uma pequena jóia da literatura portuguesa. Foi escrito no século XVIII, quando em Portugal ainda as garras da Inquisição se faziam sentir. A Inquisição vitimou, aliás, o autor, António José da Silva, conhecido como O Judeu, queimando-o, em auto de fé, em Lisboa, em 1739

Clientes que compraram este livro também compraram: