-20%

Revolução de Outubro

Este é um livro de factos. Os factos que antecederam 1917. Dia a dia: o fim do czarismo e a extraordinária convulsão que vai de Fevereiro a Outubro de 1917.

 Esta é uma visão que põe em causa uma certa memória edulcorada e mítica da Revolução de Outubro: como pôde um partido minoritário e extremista tomar o poder no maior país do mundo? Outubro foi mesmo uma revolução?

21,60 

Adicionar aos Favoritos
Adicionar aos Favoritos
Partilhar:
Mais sobre a obra:

Este é um livro de factos. Os factos que antecederam 1917. Dia a dia: o fim do czarismo e a extraordinária convulsão que vai de Fevereiro a Outubro de 1917.

 

Deixando falar os factos, este é também um livro polémico: a maioria da esquerda russa, um bolchevique como Gorki, um marxista como Plekhanov, pensavam de Lenine e da Rev­olução de Outubro o que Maomé pensa do toucinho. Esta é uma visão que põe em causa uma certa memória edulcorada e mítica da Revolução de Outubro: como pôde um partido minoritário e extremista tomar o poder no maior país do mundo? Outubro foi mesmo uma revolução?

Outubro pôs fim ao pluralismo da esquerda e à vivificante demo­cracia participativa que a Revolução de Fevereiro criou na Rússia. Sem a I Grande Guerra não teria havido a Revolução. Sem Lenine, a Revolução não teria sido em Outubro. Sem o Terror Vermelho o povo teria apeado os bolcheviques do poder.

Ficha Técnica:
Categoria(s): História, Cultura e Religião, Não Ficção
Nº de Páginas: 212
Ano de Edição: 2017
ISBN: 978-989-702-326-2
Formato: 16,5x24
Capa: Cartonado
Outras sugestões:

Seleccione um ponto de entrega